avatar

26 de abril de 2015

Na reta final: Sailor Moon Volume 11

Como o título já anuncia, trazemos o review do penúltimo número do mangá de Sailor Moon. No número 11, dá-se início ao Arco Estrelas, uma espécie de ‘spin-off’ da história das Guerreiras, com mais Sailors juntas em um mesmo volume do que jamais visto antes!

Se vc ainda não leu (atrasado) e não gosta de spoilers, okay, paramos por aqui. Agora se curte nossas resenhas siga em frente e acesse já! O que eu já posso adiantar é que houve muito pano pra manga neste volume… E nós claramente debulhamos todos os alguns (vários) errinhos da edição brasileira. Comentários, please!?

rev-vol11

6 Responses to “Na reta final: Sailor Moon Volume 11”

  1. avatar Priscila Serrano disse:

    Eu nem reparei no erro de gênero; reparei no uso duplicado do “de”;
    Aquela parte da Rei com a Minako elas falam que tem alguém especial, que é a Princesa; Gostei das adaptações.

  2. avatar Priscila Serrano disse:

    A parte da Hotaru acho que não tem nada a ver com o que vocês disseram…
    Elas são só amigas.

  3. avatar Miguel Carqueija disse:

    A minha resenha já está publicada faz tempo:
    http://www.recantodasletras.com.br/resenhas/5162351
    Eu penso que, falta na resenha do blog uma análise propriamente da trama: o que vocês publicaram é um resumo do mangá seguido da análise técnica.

  4. avatar cecil disse:

    O termo boy band no topo da mesma página também é uma gíria desnecessária, podia simplesmente ser substituído por grupo musical ou qualquer outra expressão de nossa língua.

    só vocês acharam, foi o único deslize que a JBC não cometeu

  5. avatar cecil disse:

    faltou falar da Kakyuu revelando que eles na verdade são garotas coisa que não rolou no anime antigo

  6. avatar Felipe disse:

    A tradução está piorando, principalmente no quesito “gírias”.
    Quem já leu o Short Stories 1 pode confirmar.
    Os erros de português, como teve no 10 e a falta de revisão são inadmissíveis num mangá dessa qualidade e desse preço.
    Só não entendi a do spin-off.